DONO SBT

De vendedor ambulante ao ícone Silvio Santos e um patrimônio de R$ 6 bilhões

Hoje, além do Sistema Brasileiro de Televisão, ele ainda detém marcas como a Jequiti Cosméticos, a TeleSena e o complexo hoteleiro Jequitimar.
Sexta-feira 28 de Dezembro de 2018
Redação
De vendedor ambulante ao ícone Silvio Santos e um patrimônio de R$ 6 bilhões
Foto: Reprodução

Quem não conhece o apresentador Silvio Santos?  O homem do famoso ‘Quem quer dinheiro?’  

Ele nasceu no Rio de Janeiro e seu nome de batismo é Senor Abravanel. Começou a trabalhar aos 14 anos, como vendedor ambulante, e suas habilidades de comunicação já despertavam a atenção das pessoas.

De vendedor ambulante construiu um império, que hoje em dia soma um patrimônio avaliado em 6 bilhões de reais. Silvio Santos conquistou muitos brasileiros com seu talento e carisma. Além de ser uma das personalidades mais queridas, ele é também o apresentador de televisão mais famoso do país. O perfil empreendedor de Silvio está nítido, ele batalhou muito desde jovem e desfruta atualmente de cada conquista. 

O começo de tudo

Nascido na Lapa – Rio de Janeiro, no ano de 1930, Silvo Santos teve uma infância humilde ao lado de cinco irmãos. Já aos 14 anos (1945), Silvio Santos despertou seu lado empreendedor: decidiu vender capa protetora para título de eleitor nas ruas do Rio de Janeiro. Em uma dessas vendas, observou um jovem vendendo com muita facilidade algumas capinhas de plástico. Logo, descobriu o lugar em que esse vendedor reabastecia e comprou várias, oferecendo aos clientes dizendo que era última, sua primeira técnica de venda.

Mesmo trabalhando como camelô, Silvio Santos nunca deixou de frequentar a escola, anos depois, se formou em Contabilidade.

Após vender as capinhas, Silvio vendeu também canetas, e foi nessa época em que descobriu um talento nato para a comunicação. Para chamar a atenção das pessoas, ele começou a manipular baralhos e moedas. Para fugir do “rapa”, ele contava com a ajuda do irmão e trabalhava apenas na hora do almoço dos fiscais.

O sucesso da barca e a realização de um sonho prestes a ser alcançado

Quando completou 18 anos, o empreendedor de sucesso Silvio Santos se viu obrigado a servir o exército. Em seus momentos de folga, ele prestava um trabalho voluntário para uma rádio local em Niterói. Para retornar para a casa, Silvio tinha que viajar de barca. Percebeu que as viagens eram sempre silenciosas e por isso resolveu trazer mais animação ao percurso. Investiu em aparelhagens, se demitiu da rádio e começou a trabalhar como “animador”. O sucesso foi tanto que Silvio conquistou sua própria barca, organizava bingos e vendia bebidas.

Certa vez, a barca em que trabalhava sofreu um acidente e Silvio não pôde mais trabalhar. Mas, o diretor de uma marca de cervejaria convidou-o para ir para São Paulo. Na grande cidade, ele aproveitou para trabalhar apresentando espetáculos em caravanas e circos. Nessa época, Silvio conheceu Manuel da Nóbrega, que tinha dificuldades de administrar o Baú da Felicidade e pediu sua ajuda. Silvio não só conseguiu reerguer o negócio como assumiu também o controle total do Baú.

A realização de um grande sonho do empreendedor de sucesso Silvio Santos

Com o sucesso do Baú da Felicidade, Silvio deu um grande passo. Aos 30 anos, teve o seu primeiro programa de televisão, nele, aproveitava para fazer propaganda do Baú.

Apresentador e empresário, Silvio já era bem sucedido. Nos anos 70, sonhou em ter a sua própria emissora. A realização aconteceu 5 anos mais tarde, quando alcançou o 1º lugar na concorrência. Seis anos depois, ele recebeu a concessão de mais 4 emissoras que foram rebatizadas como Sistema Brasileiro de Televisão, o SBT.

Hoje, além do Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), ele ainda detém marcas como a Jequiti Cosméticos, a TeleSena e o complexo hoteleiro Jequitimar.


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS