MAIS PROJETOS

Governo deve enviar mais projetos para assembleia, incluindo Reforma Tributária

Antes da sessão solene, na sexta-feira, os parlamentares eleitos para a legislatura que ora se inicia foram empossados e, em seguida, elegeram a Mesa Diretora da Casa
Terça-feira 05 de Fevereiro de 2019
Redação
Governo deve enviar mais projetos para assembleia, incluindo Reforma Tributária
Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira (04) os deputados estaduais começaram os trabalhos da 19ª Legislatura. A primeira sessão foi pela manhã com a presença do secretário de Casa Civil, Mauro Carvalho que representou o governador Mauro Mendes (DEM).

Em seu discurso, ele disse que o governo deve enviar vários projetos para apreciação dos deputados no intuito, de controlar as despesas do estado ainda no primeiro semestre. Entre os projetos está a reforma tributária. 

“Não tem como o governo ficar aguardando muito tempo”, afirmou Mauro Carvalho.

Os projetos de lei que compõem o “Pacto por Mato Grosso” foram os primeiros aprovados. Dentro do pacto estão Reforma Administrativa, o novo Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab), a alteração de competências no âmbito do MT Prev e a lei que prevê os critérios para a concessão da Revisão Geral Anual (RGA) dos servidores públicos.

Antes da sessão solene, na sexta-feira, os parlamentares eleitos para a legislatura que ora se inicia foram empossados e, em seguida, elegeram a Mesa Diretora da Casa para o biênio 2019-2020, sob a presidência do deputado Eduardo Botelho (DEM), com a deputada Janaina Riva (MDB) na condição de 1ª vice-presidente e o deputado Max Russi (PSB) no comando da primeira-secretaria.

Além de Janaina, Botelho e Russi, tomaram posse os reeleitos Ondanir Bortolini, Nininho (PSD), Guilherme Maluf (PSDB), Dilmar Dal Bosco (DEM), Sebastião Rezende (PSC), Valdir Barranco (PT), Allan Kardec (PDT), Wilson Santos (PSDB) e Elizeu Nascimento (DC).

Na cota da renovação, foram empossados para exercer o primeiro mandato no Legislativo mato-grossense os deputados Delegado Claudinei (PSL), Xuxu Dal Molin (PSC), Lúdio Cabral (PT), Valmir Moretto (PRB), Faissal (PV), Thiago Silva (MDB), Ulysses Moraes (DC), Dr. João (MDB), Dr. Eugênio (PSB), Dr. Gimenez (PV), Silvio Favero (PSL), Paulo Araújo (PP) e João Batista do Sispen (Pros).


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS