SODIÊ DOCES

De cortadora de cana a dona da franquia Sodiê Doces

Com mais de 250 lojas espalhadas por 13 estados do país, sua história é um verdadeiro exemplo de superação
Sexta-feira 28 de Dezembro de 2018
Redação
De cortadora de cana a dona da franquia Sodiê Doces
Foto: Reprodução

A história da fundadora da rede de franquia Sodiê Doces, Cleusa Maria da Silva é um grande exemplo de empreendedorismo. Aos 9 anos, já era cortadora de cana e, com o passar do tempo, trabalhou como empregada doméstica.

A relação com a confeitaria veio graças a uma antiga chefe, que a pedia para fazer bolos. Esse foi o impulso para Cleusa conciliar uma jornada dupla de trabalho e dar início ao sonho do próprio negócio.

A primeira loja foi inaugurada em 1997, no interior de São Paulo. Mesmo ainda encontrando dificuldades, Cleusa persistiu — até que, dez anos depois, com a marca já consolidada, iniciou o processo de franquias da Sodiê.

Com mais de 250 lojas espalhadas por 13 estados do país, sua história é um verdadeiro exemplo de superação, determinação e muito trabalho.


COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS